INFORMAÇÕES

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Chuvas começam a preocupar ribeirinhos em Marabá


A chegada do período das chuvas começa a preocupar os moradores das regiões ribeirinhas do Estado. A Defesa Civil do Município de Marabá (Comdec) já iniciou o recadastramento das famílias que residem nas áreas baixas da cidade, para facilitar o atendimento dessas pessoas em decorrência da cheia dos rios.
Elevando-se cerca de 12 centímetros por dia, o nível das águas do rio Tocantins já ultrapassou os 6,14 metros acima do nível normal, mas ontem (21) a régua pluviométrica apontava 5,93 metros. A tendência, segundo a Defesa Civil Municipal, é que as águas continuem em elevação nos próximos dias, o que justifica a necessidade de se precaver com a maior antecedência possível para traçar as estratégias de atendimento à população que poderá ser desabrigada.
Por enquanto, nenhuma família foi atingida com o início da cheia do rio neste fim de ano, mas, segundo levantamento da Defesa Civil Municipal, a última enchente desabrigou 6.984 pessoas em Marabá, das quais 3.854 ficaram sob os cuidados da Defesa Civil.
Entre os órgãos que são mobilizados para apoio às famílias estão o Corpo de Bombeiros, Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria de Assistência Social da Prefeitura, Secretaria Municipal de Obras, Associação dos Flagelados e Sem Tetos de Marabá, Exército Brasileiro, Policia Militar e Defesa Civil.