INFORMAÇÕES

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

STJD amplia prazo para defesa de Jobson

O Brasiliense conseguiu ampliar até a próxima segunda-feira o prazo para apresentar a defesa prévia do atacante Jobson no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva). O jogador foi pego em dois exames antidoping na returno do Campeonato Brasileiro atuando pelo Botafogo - contra Coritiba e Palmeiras. Nos dois casos, a substância encontrada foi a cocaína.
O clube carioca foi comunicado na última quinta, mas o Brasiliense, detentor dos direitos do atleta, só na sexta. "Terei o Natal para trabalhar sobre isso. Tive uma reunião com o Jobson, ele me pareceu bastante apreensivo, abalado, sabe o risco que corre, mas transmiti a ele que não acredito na pena de eliminação", afirmou o advogado Carlos Portinho, que vai representá-lo.
Apesar de o STJD colocar que, a princípio, vai tratar a situação como dois casos distintos, o que implica no risco de banimento (devido a reincidência), a defesa, apesar de não tratar ainda de como vai se posicionar, segue outra linha. "O mérito da questão é que, mesmo existindo dois resultados positivos, antes de fazer o exame que originou o segundo ele não teve conhecimento do primeiro caso. E o Código Mundial Antidoping trata claramente disso, dizendo que é preciso existir esta comunicação para se caracterizar o doping", explicou Portinho.