INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

31 mil paraenses perdem o Bolsa Família


Exatas 31.283 famílias paraenses tiveram o benefício do programa Bolsa Família cancelado por tempo indeterminado. O motivo? Falta de atualização de dados cadastrais. No ano passado, os beneficiários do programa em todo o país precisaram renovar as informações no Cadastro Único - atualização cadastral que deve ser feita a cada dois anos.
O prazo para que essas famílias informassem seus dados ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), e garantissem o recebimento do benefício, venceu no dia 31 de outubro de 2009.
No total, 149.231 beneficiários no Pará tiveram que atualizar seus dados.
117.948 compareceram na sede do programa dentro do período estipulado pelo MDS e os que não compareceram tiveram os benefícios bloqueados até novembro de 2009. O bloqueio significa que, embora o recurso do Bolsa Família seja depositado na conta do beneficiário, só podia ser retirado assim que fosse cumprida a contrapartida da família, neste caso, a atualização dos dados cadastrais.
BLOQUEIO
Após o bloqueio temporário, 31.283 famílias que não procuraram as prefeituras para a atualização dos dados cadastrais tiveram o benefício cancelado. No Brasil, o número chegou a 709.904 cancelamentos. Agora, as famílias que desejarem continuar recebendo o dinheiro do Bolsa Família devem procurar a sede do programa em seu município e solicitar a reversão da determinação. (Fonte: Diário do Pará)