INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Pará: TRE torna inelegível mais um político

Mais um político paraense, que concorreu às eleições 2008 se torna inelegível por práticas de abuso de poder econômico durante a campanha eleitoral municipal. Vicente Paula Pedrosa da Silva (DEM), concorreu à reeleição para prefeito de Igarapé-açu, não se elegeu, mas foi denunciado pelo Ministério Público por prática de uma série de condutas vedadas pela legislação eleitoral, dentre elas, distribuição de kits odontológicos e uniforme escolar com mensagens alusivas à sua administração gravadas nos produtos.

Mesmo assim, o juiz local, indeferiu o pedido de cassação do registro de Pedrosa, mas o MPE recorreu e ontem, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE/PA) reformou a sentença, condenando Pedrosa a pagar multa de 50 mil UFIRs e o tornando inelegível por oito anos. Como a ação também inclui o candidato a vice-prefeito Marcos Antônio Batalha Bandeira, ele também teve o registro eleitoral cassado, mas as outras duas sanções só foram imputadas a Vicente Pedrosa, já que Bandeira não exercia algum cargo público.

Os dois objetos da condenação são uniformes escolares distribuídos a estudantes do ensino fundamental das escolas públicas municipais que, segundo a defesa de Pedrosa, ocorreram até 2007. Mas, foi constatado que durante o desfile escolar de 7 de Setembro de 2008, os estudantes marcharam com o fardamento com o seguinte slogan: “Prefeitura Municipal de Igarapé-açu. Administração Vicente Pedrosa.