INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Lula desapropria fazenda no sul do Pará para assentamento

"A fazenda Estiva, em Conceição, foi desapropriada para assentar cerca de 30 familias"

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, destinou mais 20 imóveis rurais ao Programa Nacional de Reforma Agrária. Os decretos de desapropriação foram publicados na edição de quinta-feira (23/9) do Diário Oficial da União (DOU) e somam uma área de pouco mais de 33 mil hectares, distribuída pelos estados do Acre, Bahia, Maranhão, Pará, Pernambuco, Paraíba, Piauí e Sergipe.

De acordo com a Diretoria de Obtenção de Terras e Implantação de Projetos de Assentamentos do Incra, as áreas tem capacidade para assentar um total de 564 famílias de trabalhadores rurais. A conclusão das desapropriações depende agora da avaliação dos imóveis, liberação de recursos para pagamento das indenizações e imissão de posse na Justiça.

O estado com a maior área destinada à reforma agrária é a Bahia, com 10,8 mil hectares, que vai atender um total de 143 famílias. Em seguida, aparece o Piauí, com 110 beneficiários. O Acre receberá 42 famílias de trabalhadores rurais, o Pará atenderá outras 34. Pernambuco e Paraíba poderão assentar 54 e 46 famílias, respectivamente. Para o Maranhão as áreas destinadas têm capacidade para assentar 95 famílias. Já Sergipe prevê o assentamento de 40 novas famílias nos imóveis decretados.

No Pará, a fazenda Estiva, localizada no município de Conceição do Araguaia, foi destinada à reforma agrária pelo presidente da República. É uma área de 2,8 mil hectares e tem capacidade para assentar 34 famílias.