INFORMAÇÕES

domingo, 17 de outubro de 2010

Parazão: Alviverde da Amazônia ganha do Gavião Kyikatêjê







“Lavamos a alma e ganhamos do Gavião e vamos em busca da classificação”: os jogadores após a vitória.

“Lavamos a alma”, disse Biju, ao final do jogo e a vitória do Redenção Esporte Clube por 1 a 0 sobre o Gavião Kyikatêjê, de Marabá, pela fase classificatória do campeonato paraense de futebol profissional. O jogo foi disputado na Arena Serrinha, em Redenção. Biju é um dos principais artilheiros do sul do Pará

Depois de ser goleado pelo PFC, os jogadores do Alviverde da Amazônia, com elenco completo venceram o Gavião, por 1 a 0, gol marcado por Leandro Chocolate, de pênalti, aos 30 minutos do 2º tempo.

“No jogo em Parauapebas, não foi possível contar com todos os jogadores. Com o time completo o resultado veio”, disse Toninho Lopes, diretor e principal responsável pela participação do Alviverde da Amazônia no Parazão.

Os torcedores não acreditaram na possibilidade de o time conseguir vencer o Gavião, porém os torcedores que foram à Arena Serrinha, viram um time vibrante e muito bem fisicamente. “A vitória foi da equipe e de quem acredita na gente”, disse Joci Tocantins, treinador do Verdão.

O goleiro Wyrias foi a grande atração do jogo e despertou interesse de dirigentes do Águia. Janilder e Domingos também foram bastante elogiados pela imprensa de Marabá, que estavam na Arena Serrinha cobrindo o jogo.

“Esses jogadores se comportaram muito bem em Parauapebas, mesmo sendo goleados. No jogo de hoje, eles se superaram e deram alegria aos torcedores redencenses. Parabéns pra todos os atletas e comissão técnica”, disse Otávio Araújo, fundador do clube e correspondente da Rádio Clube do Pará, que cobriu o jogo.

Ficha Técnica

Redenção
Wyrias; Domingos, Janilber, Hugão e Leandro Chocolate; Magno (Marcos), Pedro Noleto, Diego (Romário) e Wallison; Leomar e Jandreé (Leandro Silva). Técnico: Joci Tocantins.

Gavião Kyikatêjê
Robson; Maciel Santos, Jorumti, Vanderlei e João Paulo; Luciano, Antunes, Eucimar (Danilo) e Aritana (Albino Surui); Kaipeitê e Cristiano. Técnico: Zeca Gavião.

Gol: Leandro Chocolate, aos 30 minutos do 2º tempo.
Árbitro central: Cláudio Lima; assistentes: Rosenir Amador de Oliveira e Aldemir; 4º árbitro: Ednaldo Queiroz, representante da FPF, Anderson Carvalho.
Renda e público não foram divulgados.
Despesas com arbitragem: acima de 2 mil reais.