INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Conceição: Projeto sobre mudança do nome de rua é reprovado pela maioria da Câmara


Os evangélicos ficaram decepcionados

Vereadora Evanilza teve seu projeto rejeitado

Polêmica em torno do projeto Decreto Legislativo n. 005/2010 de autoria da vereadora Evanilza Marinho (PSC) que trata da mudança do nome da Avenida 30 de Maio para Pastor Jairo Saldanha de Oliveira. O projeto foi votado na última segunda-feira, 08, em meio a uma plateia de evangélicos de várias denominações do município de Conceição do Araguaia.

“Eu só peço esta justa homenagem ao Pastor Jairo Saldanha. Ele foi o pastor fundador da Igreja Assembleia de Deus que está localizada na Avenida 30 de Maio. Lá ele morou, criou seus filhos, dedicando sua vida em prol dos menos favorecidos e marginalizados da sociedade – retirando inúmeras pessoas de situações degradantes e apresentando a cada uma delas um Cristo Salvador”, disse a vereadora.

O projeto foi reprovado, obtendo cinco votos favoráveis e três contrários. Com a derrota do projeto, a maior parte dos evangélicos que estavam presentes na Sessão Legislativa, levantou-se em protesto e foi embora.

O presidente do Conselho Municipal de Pastores e Pastor Presidente da Primeira Igreja Batista, Jarbas Magalhães Pereira também acompanhou a sessão e disse lamentar a não aprovação do projeto que iria de certa forma, homenagear a todos os evangélicos de Conceição do Araguaia.

O presidente da Casa, vereador Aurélio Milhomem (PMDB) justificou o seu voto contrário ao projeto, argumentando que numa consulta popular, foi constatado que 70% da população não queriam a mudança do nome da Avenida e ele apenas respeitou a opinião dos moradores.