INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

O Pará poderá explorar petróleo

A possibilidade da existência de petróleo em território paraense ficou ainda mais evidente quando a Petrobras instalou plataformas na divisa do Pará com o Maranhão e passou a alertar os navegantes quanto aos riscos de trafegar no local.

Neste domingo, a OGX Petróleo e Gás e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) promovem audiência pública em Bragança, reunindo também a população do município de Augusto Corrêa, para definir duas coisas: como compensar os pescadores que não poderão mais ingressar na área de exploração - um grande trecho da Bacia Pará-Maranhão - e de que forma os municípios serão indenizados, caso haja algum prejuízo de ordem ambiental.

Diante de tantas evidências, o professor da Universidade Estadual do Norte Fluminense, Carlos Alberto Dias, não tem dúvidas: existe petróleo na costa paraense. “A Petrobrás, principal agente de exploração do País, até hoje não encontrou petróleo no Pará. No entanto, existem fortes indícios na região à altura de Salinas, na Bacia Pará-Maranhão”, assegura. Dias - que é natural de Salinópolis, afirma que as evidências apontam para a existência do ouro negro, e que as confirmações virão após as perfurações.