INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Redenção: Bebê abandonado em rodoviária é adotado


Após ficar quase um mês no Abrigo Municipal de Redenção, um bebê do sexo masculino, que foi abandonado no banheiro do Terminal Rodoviário do município, no dia 25 de dezembro, teve a guarda provisória concedia a um casal. A adoção do recém-nascido, que tem aproximadamente 60 dias de vida, já havia sido determinada pelo juiz substituto da Vara Cível da Comarca de Redenção, Manoel Antônio Silva Macedo.

O conselheiro tutelar Deílton Galdino, que encaminhou o bebê ao hospital logo após ele ter sido encontrado por uma passageira que passava por Redenção, disse que várias famílias já haviam manifestado interesse em adotar a criança, mas a decisão final coube à Justiça. “Em Redenção, esta era a única criança que estava disponível para adoção”, afirma o conselheiro, que diz ter recebido mais de vinte pedidos de pessoas querendo adotar o recém-nascido.

O casal que conseguiu a guarda provisória da criança, já estava incluído no Cadastro Nacional de Adoção. De acordo com o Conselho Tutelar de Redenção, que acompanha o caso desde o início, a guarda provisória do recém-nascido tem duração de cerca de 20 dias. Após esse prazo, a justiça irá decidir se concede ou não a guarda definitiva da criança ao casal.

O Conselho informou ainda que, a Justiça não autorizou a divulgação da identidade do casal, a fim de que a família seja preservada.
A Polícia Civil, que investiga o caso, não localizou o paradeiro da mãe do bebê.(Paulo Carrion)