INFORMAÇÕES

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Conceição: Polícia tem três suspeitos da morte de Aline


O delegado Marcelo Delgado Dias começou a ouvir na tarde desta sexta-feira (25) as testemunhas do assassinato de Aline da Silva Pereira (21 anos) que aconteceu na manhã de quinta-feira (24). Para a polícia, uma das hipóteses seria de crime passional.

O delegado não deu muitos detalhes sobre as investigações, mas adiantou que existem pelo menos três suspeitos de participação na morte da jovem, inclusive uma mulher está sendo investigada.

OS TRÊS SUSPEITOS

Sem divulgar nomes, para não atrapalhar as investigações, o delegado disse que uma dessas pessoas seria um ex-namorado da jovem (o delegado não informou se é um ex-namorado recente ou não), que não teria concordado com o rompimento do relacionamento e para se vingar, teria cometido o assassinato.

O outro suspeito é um homem que teria violentado sexualmente a jovem na época em que ela morava na cidade de Redenção, por causa desse crime, esse suspeito teria sido preso e prometido se vingar da vítima assim que saísse da cadeia. Pessoas próximas a Aline confirmaram que ela realmente teria sido vítima de estupro, mas o delegado informou que não existe nenhum registro do crime na delegacia da mulher na cidade de Redenção. Mesmo assim, ele vai investigar esse suspeito.

Outra hipótese da polícia é de que o crime tenha sido encomendado por uma mulher. No dia em que Aline foi assassinada uma pessoa que não quis se identificar teria dito: “Eu sabia que aquela mulher iria mandar matar a Aline”. Essa pessoa não informou às razões que teriam motivado essa mulher a encomendar a morte da jovem.

O CRIME

A jovem foi assassinada com dois tiros na boca na manhã de quinta-feira (24) quando se dirigia para o trabalho. Um homem que não quis se identificar informou que viu o momento em que a jovem estava sendo alvejada. Ele contou que o autor dos disparos estava de capacete e não foi possível identificá-lo. De acordo com a testemunha, o criminoso agiu com frieza e fugiu sem pressa olhando para as pessoas que passavam por ele. (Fonte: Canotícias.com)