INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

sexta-feira, 11 de março de 2011

Redenção: Pecuarista é morto a tiros de espingarda 12


A polícia de Redenção não tem qualquer pista que possa identificar os autores dos disparos que tirou a vida do pecuarista Elimar Almeida Lima, de 30 anos, morto em uma emboscada na Vicinal 15, na localidade Mata Geral, que fica localizada a cerca de 50 km da cidade de Redenção. O crime aconteceu na noite de quinta-feira (10) depois que “Neto” como era conhecido o pecuarista retornava para Redenção na companhia de dois funcionários que estavam prestando serviço na sua fazenda.

O crime aconteceu por volta das 19 hs da noite de quinta-feira. Neto dirigia sua caminhonete, quando ao parar em um buraco às proximidades de uma ponte, foi abordado por dois pistoleiros, que disparam diversos tiros de espingarda e revólveres contra o pecuarista, que ainda tentou manobrar o carro, mas ao cair no buraco, foi atingido por dois tiros de espingarda calibre 12 a queima roupa na cabeça, sofrendo morte instantânea.

Um dos ocupantes do veiculo foi atingido por um tiro na mão direita, que lhe cortou dois dedos. O terceiro homem, consegui fugir embrenhando-se na mata. Familiares do pecuarista pouco quiseram falar sobre o crime. Um amigo do pecuarista, que não quis de identificado, disse que o pecuarista vinha sendo ameaçado de morte já há algum tempo.

As ameaças estariam ligadas a questões de terras. No velório, os comentários eram de que Neto havia percebido que vinha sendo seguido já algum tempo, mas relutava em vender a propriedade localizada na região da Mata Geral, distrito de Redenção.
O Delegado Nicolau Neto, disse que somente após ouvir os sobreviventes da emboscada e os familiares da vítima ele poderá falar sobre o crime. (Colaboração: Dinho Santos)