INFORMAÇÕES

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Estelionatário ataca em Floresta do Araguaia e é preso em Rio Maria


O estelionatário Everaldo Gonçalves da Silva, de 48 anos, que se fazia passar pelo nome de “Fernando” foi preso na tarde desta terça-feira, em hotel de luxo de Rio Maria quando se preparava para fugir da região. Fernando “que é como se identificava o meliante” adquiriu várias propriedades de pequenos colonos na região de Floresta do Araguaia, sempre comprando a prazo, e como as compras eram realizadas de “porteira fechada” isto é, com tudo que tinha na propriedade, o vilão assumia a propriedade, vendia todos os bens.

De acordo com informações das vítimas que estavam na delegacia de Rio Maria para registrar queixa contra o estelionatário, ele fez negócios avaliados em mais de 2 milhões de reais, pois adquiriu propriedades de diversas pessoas, tendo vendido todas as benfeitorias e recebido o dinheiro.

O estelionatário Fernando, foi preso graças ao trabalho de vários pequenos produtores rurais que foram lesados.

Durante sua prisão, o estelionatário foi acompanhado por vários advogados. Ao ser preso ele se identificou para a polícia de Rio Maria como sendo José Basílio Fernandes, porém, conforme a Carteira de Habilitação de motorista do referido. O nome dele é Everaldo Gonçalves da Silva.

No momento de sua prisão, o meliante estava de posse de camionete F – 1000, de cabine dupla e cor vinho, com Placa: JYJ 9965, de Castanheiras - MT comprovadamente furtada, que foi apreendida pela Polícia de Rio Maria.

Everaldo, segundo fontes da polícia, tem várias passagens por estelionato e furto em diversas regiões do Brasil, dentre as pessoas lesadas pelo individuo estão as seguintes pessoas: Ednaldo de Sousa, Floresta do Araguaia, que vendeu materiais de construção no valor de R$ 7.670,00 (cheque sustado indevidamente). Antônio Alves dos Santos, de Floresta do Araguaia, que vendeu combustíveis no valor de R$ 4.400,00 (cheque sustado indevidamente). Benedito Pereira, de Floresta do Araguaia, vendeu móveis no valor de R$ 8.900,00 (cheque sustado indevidamente). Antônio Emanoel Mendes de Matos, de Floresta do Araguaia, instalou um ar condicionado no veículo furtado, no valor de R$ 3.500,00 (cheque sustado indevidamente). Francisco Françoa Noronha Teixeira, de Xinguara, vendeu um trator no valor de R$ 70.000,00 (cheques sem fundo).

O elemento foi preso, pela Policia Militar de Rio Maria, após denúncia das pessoas lesadas e não ofereceu resistência a prisão. (Charlon de Oliveira).