INFORMAÇÕES

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Parauapebas tem déficit de 1.200 leitos de hotel


Contando hoje com cerca de 40 estabelecimentos hoteleiros, com oferta de 2.800 quartos e apartamentos, a cidade de Parauapebas tem um déficit de 1.200 leitos de hotel para atender à crescente demanda no município. Devido as constantes queixas de turistas quanto à dificuldade em encontrar vagas nos hotéis e também quanto ao custo das diárias tido como superior à média de outras cidades.

O presidente da Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Parauapebas (ACIP), Oriovaldo Mateus, que administra dois hotéis instalados no núcleo urbano de Carajás, de propriedade da mineradora Vale, e um dele próprio, localizado no Bairro Cidade Nova, Centro.

Municípios localizados no entorno dos projetos de mineração explorados pela Vale na região, de Marabá a Ourilândia do Norte, também sofrem com a falta de vagas em bons hotéis. Segundo o empresário, a situação é tão precária que os hoteleiros de Parauapebas muitas vezes recorrem a vagas para hospedagens nos poucos hotéis instalados na vizinha cidade de Curionópolis.