INFORMAÇÕES

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Acidente na PA-150 causa vítima fatal

Um veículo com sete pessoas capotou na tarde de domingo (11) e um dos passageiros morreu no local. A tragédia aconteceu na rodovia PA-150, quando os ocupantes do carro se deslocavam de uma fazenda no município de Goianésia do Pará para a cidade de Jacundá, no sudeste do Estado. Os feridos receberam atendimento médico no Hospital Público de Jacundá e passam bem.

O acidente que tirou a vida da vendedora Lucinete Santos Cajado, de 20 anos, aconteceu na rodovia estadual PA-150, a 35 quilômetros de Goianésia do Pará, e a 40 km da cidade de Jacundá. O grupo familiar teria passado o final de semana na fazenda de propriedade rural de Valdete Alves Santos e Raimundo Alves Cajado, pais de Lucinete, ou Nete, como era conhecida.

Na volta para casa, o carro era dirigido por Adriano Silva, namorado de Lucinete, e tinha como passageiros sua irmã Maria da Paz e o namorado Izague de Oliveira, proprietário do carro modelo Golf, de placa CHM 7379, e mais três menores de idade.

Uma testemunha que passava no exato momento do acidente relatou à reportagem que o acidente aconteceu em uma curva, quando o motorista do Golf percebeu que um veículo em sentido contrário teria tentado uma ultrapassagem. Adriano não teve outra alternativa a não ser jogar veículo para fora da estrada, o que o fez capotar várias vezes.

Nete estava sentada no banco de trás do veículo, próximo ao motorista. No momento do acidente, deduz-se que ela foi cuspida para fora e bateu violentamente a cabeça no solo, o que causou traumatismo craniano e consequentemente a morte instantânea da mulher.

A notícia chegou a Jacundá e um grande tumulto formou-se no Hospital Municipal. A família é bem conhecida na cidade e a tragédia causou comoção e dor. O sepultamento aconteceu na tarde de ontem. (Diário do Pará)