INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Caso Dorothy Stang: justiça concede a Bida regime semi-aberto


A juíza Anúnzia Dias da Costa homologou o cálculo de liquidação de pena de Vitalmiro Moura (Bida), que progrediu do regime fechado para o semi-aberto. O fazendeiro foi sentenciado a cumprir 30 anos de reclusão em regime inicial fechado, acusado de mandante da morte da missionária Dorothy Mee Stang, no município de Anapú, em fevereiro de 2005.

No despacho a juíza analisou o período que o sentenciado está cumprindo a pena, superior a um sexto (1/6), além de considerar o comportamento na cadeia, através da certidão de bom comportamento expedida pelo diretor da casa penal. A decisão favorável acompanhou a manifestação da promotoria de justiça.

Em outro pedido feito pelo advogado de Bida, para ser transferido da Casa Penal onde se encontra (Região Metropolitana de Belém) para o Centro de Recuperação de Altamira, a juíza negou com base em informações da Superintendência do Sistema Penal. (Fonte: Agência Norte de Notícias)