INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Redenção: Homem é morto enquanto pescava

O trabalhador Wanderley Rocha de Sá, de 33 anos, foi morto com um tiro na cabeça, enquanto pescava em um córrego dentro dos limites de uma propriedade rural, localizada a cerca de 30 km de Redenção. O corpo da vítima foi encontrado a 300 metros do local, onde a polícia há poucos dias encontrou dois corpos, já em estado de decomposição, com ferimentos à bala e com as mãos e pés amarados.

Um amigo de Wanderley, de prenome Cícero, que estava também pescando no local, foi baleado e está internado no Hospital Publico Regional do Araguaia em Redenção.

As informações sobre o crime, os dois pescadores foram surpreendidos por homens que surgiram no local e efetuaram alguns disparos na direção dos pescadores. Cícero foi atingindo por uma bala e caiu no chão fingindo que estava morto e foi deixado pelos assassinos.

A mesma sorte não teve Wanderley de Sá, que ao tentar correr na direção da estrada, foi alcançado por seus algozes que efetuaram um disparo na cabeça da vítima, que morreu na hora. As marcas de corda no pescoço da vítima e escoriações pelo corpo revelam que ele foi arrastado, não se sabe se por funcionários da fazenda ou pelos próprios pistoleiros.

Enquanto o corpo do companheiro era arrastado para outro local, Cícero aproveitou para fugir do local onde ocorreu o crime, nadando pelo córrego até chegar ao local onde ele havia deixado a sua motocicleta. Mesmo ferido, Cícero consegui chegar até a cidade e pedir ajuda para a Policia Militar, que o encaminhou para o Hospital Regional.

De acordo com o delegado Marcelo Delgado Dias, o crime teria ocorrido por volta das 18hs de terça-feira (20), mas somente por volta das 3 horas da madrugada de quarta-feira (21) é que o corpo foi encontrado por parentes e populares que estavam ajudando a polícia nas buscas.

O delegado intimou proprietário da fazenda e os funcionários a compareceram na Delegacia de Redenção para prestarem esclarecimento sobre o caso. A motocicleta da marca Bros 150, de propriedade da vítima, sumiu do local, o que intriga a polícia, que não sabe se foi latrocínio ou crime de pistolagem. Somente depois de ouvir a outra vítima e funcionários o Delegado poderá dar informação mais detalhada. (Dinho Santos)