INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Caso Ana Karina: Parauapebas - Florentino Rodrigues é condenado a 24 anos de prisão em regime fechado


Em julgamento ocorrido quinta-feira (21) em Parauapebas, Florentino Rodrigues é condenado a 24 anos de prisão pela morte de Ana Karina. Outros três réus devem ir em breve a julgamento em processo que é marcado pela ausência do corpo.

Foi julgado na quinta-feira (21), Florentino de Souza Rodrigues, vulgo Minêgo, um dos quatro réus no caso da morte e ocultação do cadáver da comerciária Ana Karina Guimarães, ocorrido em 10 de maio de 2010 em Parauapebas. Ana Karina estava grávida de nove meses de Alessandro Camilo de Lima, outro acusado pelo assassinato e que aguarda julgamento de recurso impetrado no TJ-PA para ser julgado.

Também são réus no processo Alessandro Camilo e Francisco de Assis Dias, o Magrão, estes presos em Belém. Grasiela Barros, a noiva de Alessandro e quarta ré nos autos, aguarda o julgamento em liberdade graças a um Habeas Corpus.

Em 2010, durante o inquérito policial, Alessandro Camilo confessou ter matado Ana Karina com a ajuda de Minêgo e Magrão. Segundo Camilo, o corpo da vítima foi esquartejado, colocado em um tambor de 200 litros, lacrado e jogado de cima de uma ponte no Rio Itacaiúnas, na Zona Rural do município de Marabá. Apesar das incessantes buscas, o corpo da comerciária jamais foi encontrado.