INFORMAÇÕES

quarta-feira, 17 de abril de 2013

Prefeitura de Redenção adere ao Pacto Nacional Pela Educação

Professores participaram do lançamento do projeto
Uma solenidade realizada na Câmara de Vereadores, marcou oficialmente o lançamento do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC), no município de Redenção. Lançado em 2012 pelo Governo Federal, o programa foi aderido pela administração municipal, por meio da Secretaria Municipal de Educação. O PNAIC tem como objetivo garantir que todas as crianças estejam alfabetizadas em Língua Portuguesa e Matemática até os oito anos de idade, ao final do 3° ano do ensino fundamental.

A solenidade de lançamento do programa contou com a presença do prefeito Vanderlei Coimbra, além de educadores que ficarão responsáveis pelo programa.

Etapas

A formação irá capacitar os profissionais da educação para que o trabalho feito em sala de aula faça com que os alunos saibam ler, escrever, interpretar textos e fazer contas. O curso presencial tem duração de dois anos, com carga horária de 120 horas. Cada professor vai receber do Governo Federal uma bolsa no valor de R$ 200.
Prefeito Vanderlei enfatizou a importância do projeto


A primeira ação do PNAIC é a formação continuada de professores alfabetizadores e de orientadores de estudo. Já o segundo eixo trabalhado pelo pacto é a distribuição de materiais didáticos voltados para a alfabetização. Para avaliar os resultados do PNAIC, o Ministério da Educação se baseará nos resultados colhidos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), por meio do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), visando medir o nível de alfabetização alcançado ao final do ciclo.


Em Redenção, 150 professores alfabetizados irão atuar do 1º ao 3º ano do ensino fundamental em escolas da rede municipal de ensino, beneficiando mais de 3.500 alunos.


Durante a solenidade, foi apresentado pela coordenadora do curso em Redenção, Jane Sara Alves, o plano de execução do pacto no município. Jane explicou que os professores receberão formação durante dois anos. Em 2013 será a linguagem e em 2014 só será matemática.


O prefeito Vanderlei Coimbra, afirmou que Redenção, de forma clara e tranquila, adere a esse pacto com muita força de vontade e engajamento. “Eu estou muito feliz porque hoje houve a adesão do município de Redenção. Não temos dúvidas que iremos alcançar a meta. Se o Brasil quer a ajuda dos municípios, Redenção será um dos primeiros a colaborar, a aderir, a participar e fazer de tudo para alcançar a sua meta”, destacou. (Paulo Carrion - Assessoria de Comunicação)