INFORMAÇÕES

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Redenção: Médica que recusou atender pacientes não deu entrevista

A médica, conhecida como Esperança, que se recusou a atender pacientes no domingo, no hospital Iraci, prometeu esclarecer o caso para a imprensa. No entanto, a médica saiu da delegacia sem conversar com a imprensa.

O caso
No domingo (8), a tarde, uma guarnição do Corpo de Bombeiros foi acionada para atender um caso de intoxicação alimentar, no qual quatro pessoas teriam sido vítimas depois de terem ingerido um queijo contaminado.

Quando os bombeiros levaram as pessoas para o hospital Iraci, não teve atendimento pela médica Esperança, que estava de plantão. Segundo o bombeiro, a médica o agrediu verbalmente. O caso foi parar na delegacia onde o bombeiro registrou um Boletim de Ocorrência contra a médica.