INFORMAÇÕES

terça-feira, 5 de novembro de 2013

Marabá: TRE cassa mandato de João Salame

O prefeito de Marabá, João Salame (PROS) foi cassado nesta terça-feira (5) pelo Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA). Ele recebeu dois votos a favor e dois contra a cassação, que foi decidida pelo voto de minerva.
João Salame
 Salame foi eleito em 2012 pelo PPS com mais de 56 mil votos, que correspondem a 56,71% dos votos válidos. Ele foi julgado por um processo de 2010, quando acusado de comprar votos com vales de combustível durante a campanha eleitoral para deputado. De acordo com a acusação, notas assinadas pelo prefeito foram encontradas em um posto de combustível.

O atual vice-prefeito, Luiz Carlos (PT) assume a prefeitura de Marabá. João Salame informou que irá recorrer no Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília.

"Nesse momento o presidente do Tribunal Regional Eleitoral, Leonardo Tavares, acabou de dar o voto dele cassando o meu mandato de prefeito por conta de um problema ocorrido na época que eu era deputado. Um completo abuso de poder, um acinte à lei. Tem poderosos em Belém comemorando nesse momento, mas a vitória do povo não tardará e a justiça será feita", Salame.