INFORMAÇÕES

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

TO: Avião tem pane e faz pouso forçado em chácara de Araguaína

Esse já é o 3º acidente com aeronaves registrado no Tocantins em 15 dias. Piloto foi localizado por policiais minutos depois com ferimentos leves.
Avião caiu numa chácara

Um avião monomotor usado para borrifar defensivos agrícolas em lavouras teve pane e fez um pouso forçado na manhã desta quarta-feira (26), próximo à chácara Sucupira, no km 11 da TO-222, em Araguaína, norte do Tocantins. Segundo informações preliminares da Polícia Militar, o piloto Edson Valmir do Nascimento contou que estava sobrevoando a área, quando a aeronave apresentou problemas, o que o levou a fazer o pouso.

Conforme as informações, quando os policiais militares chegaram no local, encontraram a aeronave com as asas e a cauda danificadas. No momento Nascimento não estava. O piloto teria descido do avião para tentar sair da mata e procurar por ajuda. A PM informou que ele foi localizado minutos depois com ferimentos leves e que está no local prestando esclarecimentos.
Acidentes

Esse já é o terceiro acidente com aeronaves registrado no Tocantins em 15 dias. Na última quarta-feira (19), um avião monomotor caiu e atingiu uma casa na rua 34 do setor Nova Araguaína, matando a menina Thauane Feitosa, de 7 anos, que brincava na porta de casa. Uma perícia foi feita no local, mas as causas do acidente ainda não foram divulgadas.

No primeiro acidente, registrado no dia 10 deste mês, uma aeronave caiu em Palmas matando o ex-prefeito de Ponte Alta do Tocantins, Cleyton Maia Barros, de 51 anos; o filho dele Cleyton Maia Barros Filho, 24 anos; e o soldado dos Bombeiros do Distrito Federal, Luís Augusto Aragão Feitosa, 23 anos.

Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o certificado de aeronavegabilidade do monomotor, o Cessna 210, de prefixo PT-OMX, estava suspenso. Isso porque a Inspeção Anual de Manutenção (IAM) estava vencida desde julho do ano passado. (G1/TO)