INFORMAÇÕES

domingo, 21 de setembro de 2014

Assassino de Dorothy Stang é preso por morte de casal em Tomé-Açú

Rayfran das Neves Sales foi preso na Cremação, em Belém. Ele teria matado Leandro Vargas e Joseane Noronha perto de Tomé-Açu.

Os suspeitos foram apresentados pela polícia
Rayfran das Neves Sales, condenado a 27 anos de prisão por ser assassino confesso da missionária norte-americana Dorothy Stang, foi preso neste sábado (20) em Belém. Segundo a Divisão de Homicídios da Polícia Civil, ele seria o autor dos disparos que mataram um casal de amigos encontrados em Tomé-Açú, nordeste do Pará, no último dia 7 de setembro. Rayfran foi beneficiado com prisão domiciliar em 2013 por ter apresentado bom comportamento na cadeia.

De acordo com a polícia, uma mensagem enviada pela vítima Leandro Vargas ao pai dizia que, se algo acontecesse com ele, "o culpado seria o Rayfran, porque estava com ele (a vítima)".


Dorothy Stang killer is jailed for death bed in Tome-Acu 

Rayfran das Neves Sales was arrested Cremation in Bethlehem. Leandro He would have killed Vargas and Joseane Noronha near Tome-Acu. 

Rayfran das Neves Sales, sentenced to 27 years in prison for being convicted killer of American missionary Dorothy Stang, was arrested on Saturday (20) in Bethlehem. According to the Homicide Division of the Civil Police, he would be the gunman who killed a couple of friends found in Tome-Acu, northeastern Pará, last Sept. 7. Rayfran benefited from house arrest in 2013 for having shown good behavior in jail. 

According to police, a message sent by the victim's father Leandro Vargas said that if anything happened to him, "the culprit would be Rayfran, because I was with him (the victim)."