INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Redenção: Prefeitura oferece serviço de prótese bucal gratuito

Pacientes são encaminhados dos postos de saúde

O atendimento é rápido e eficaz 
Desde abril de 2013 a população de Redenção conta com o serviço especializado na odontologia de ‘Prótese Dentaria’. O processo de atendimento aos pacientes de prótese se inicia nos postos de saúde assim como os demais serviços oferecidos pelo Centro de Especialidades Odontológicas (CEO).

O programa de prótese bucal é de alta complexidade e deveria ser custeado pelo Governo Federal, mas em Redenção funciona por conta do município em parceria com um laboratório terceirizado, pois o Governo Federal ainda não está fazendo o repasse total para esse programa.

No ano de 2014, foram entregues 395 peças que equivale a aproximadamente 250 pessoas com prótese total (dentadura) ou parcial (grampeada). Por mês, a demanda é de 50 peças e os pacientes para serem atendidos pelo CEO precisam ser referenciados, ou seja, encaminhados pelos postos de saúde.

A odontóloga Vanessa Magalhães, coordenadora da Saúde Bucal do município de Redenção, diz que o acompanhamento do buco-maxilo e as biopsias prestadas aos pacientes, são muito importantes porque possibilita a detecção de outros tipos de doenças como o câncer bucal. “Disponibilizar esse tipo de serviço à população é muito importante. Por exemplo, ano passado detectamos três casos de câncer bucal no município. Nós tomamos as providências e encaminhamos para o tratamento adequado”, disse.

As pessoas são atendidas pelos profissionais do CEO
Outro ponto para melhor prestação do serviço é a importância que a gestão municipal oferece a essa área da saúde, pois o serviço odontológico custa muito caro e não é todo governo que investe nessa área. “Mas, o prefeito de Redenção, Vanderlei Coimbra, proporciona uma atenção diferenciada nessa área, há uma valorização maior do profissional. Temos um número maior de mão de obra em relação a outras gestões, e ainda contamos com um buco-maxilo, fazemos biopsia e prótese”, disse Vanessa.

O prefeito Vanderlei Coimbra disse que o serviço não fica barato para a prefeitura, mas vai continuar. “A saúde também é uma prioridade para o bem estar das pessoas”, afirmou o prefeito.