INFORMAÇÕES

Envie informações para o blog. WhatsApp 99193 6270 ou e-mail: otavioaraujo19@hotmail.com. Otávio Araújo é correspondente da Rádio Clube do Pará para o sul do Pará.

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Governo estabelece critérios para a migração das rádios AM para FM

Decreto que autoriza a transferência havia sido publicado em 2013. Custo da licença para operar na faixa vinha sendo discutido desde então.
O preço de mudança de faixa foi considerado alto

Donos de rádios AM, em Redenção, Xinguara e Conceição do Araguaia terão que desembolsar cerca de R$ 169,869,24 até 188,545,96 para migrar para o FM.

Dois anos após a publicação do decreto que permite às emissoras de rádio AM migrarem para a faixa FM, o governo federal divulgou nesta terça-feira (24) os critérios de adaptação de outorgas das empresas de radiodifusão, o que inclui os valores a serem pagos pelas emissoras para mudar de faixa.

Atualmente, 1.781 emissoras estão na frequência de AM em todo o Brasil, sendo divididas de acordo com o alcance: local, regional ou nacional. Ao todo, 1.386 pediram a mudança de faixa e 949 rádios já poderão fazer a migração em 2016.

A solenidade, no Palácio do Planalto, contou com a presença da presidente Dilma Rousseff, do vice Michel Temer e do ministro das Comunicações, André Figueiredo, entre outras autoridades, além de representantes do setor.
Quando da publicação do decreto, em novembro de 2013, o governo estimava que, onde houvesse espaço disponível, o processo de migração das rádios AM para FM deveria levar entre 8 meses e 1 ano.

http://www.mc.gov.br/documentos/documentos/Tabela_de_Pre%C3%A7os.pdf