INFORMAÇÕES

Envie informações para o blog. WhatsApp 99193 6270 ou e-mail: otavioaraujo19@hotmail.com. Otávio Araújo é correspondente da Rádio Clube do Pará para o sul do Pará.

domingo, 18 de dezembro de 2016

TUCUMÃ: Reunião definiu os preparativos para o “I Leilão Direito de Viver” em prol do Hospital de Câncer de Barretos

Voluntários do HCB em Tucumã definem leilão solidário
Uma reunião realizada na residência do casal de empresários Vanderlei e Luziane Sifuetes, proprietários da Casa da Ração, na noite de terça-feira (6) foram discutidos vários assuntos pertinentes a realização do primeiro Leilão Direito de Viver, em prol do Hospital de Câncer de Barretos (HCB).

Toda a renda conseguida no leilão e no almoço será revertida ao Hospital de Câncer e da Fundação Pio XII, da cidade de Barretos, que atende milhares de pacientes de todas as partes do Brasil.

A reunião contou com as presenças além de empresários, pecuaristas, imprensa, voluntários e de José Antônio o (Juca), farmacêutico e analista de capacitação de recursos dos Estados do Pará e Tocantins do Hospital Oncológico de Barretos, entre outras pessoas, que discutiu como serão as ações dos voluntários responsáveis em angariar as prendas e animais para o leilão, assim como os que estarão recolhendo e entregando no recinto da Tucumã Leilões também no dia 18 de março na realização do evento.

Outro ponto que ficou definido é que uma força tarefa será montada com o objetivo de delegar funções e assim ser mais ágil possível para a realização do evento.  Espera –se arrecadar mais de 100 cabeças de gado, além de outros animais e prêmios.

Beto da Tucumã Leilões se colocou à disposição em ajudar na arrecadação do gado e na organização do Leilão Direito de Viver. Segundo ele esse evento já será discutido no planejamento da empresa dentro do cronograma de 2017. “Eu vi hoje aqui que existem dezenas de colaboradores que de uma forma ou de outra já estão ajudando e nós da Tucumã Leilões ajudaremos ainda mais, conte conosco”. Frisa Beto.

O pecuarista Francisco Ferreira o “Chico do Azougue” se colocou à disposição e em nome da Loja Maçônica Estrela de Tucumã, a discutir juntos aos membros a participação efetiva de todos. Já Rubens Fernandes de Oliveira coordenador no município de Tucumã agradeceu o apoio de todos ao qual colaboram com doações no desafio do bem na exposição agropecuária de Tucumã e Ourilândia Norte.

Ao final do encontro o representante do Hospital de Câncer Barretos, José Antônio, frisou da importância da realização desta ações que estão sendo realizada no município de Tucumã, pessoas voluntarias cintando como exemplo os projetos já implementados na sociedade tucumaense que são (Lacres que Salvam, Passos que Salvam e agora o Leilão Direito de Viver).
(Roney Wydiamaior)