INFORMAÇÕES

segunda-feira, 7 de maio de 2018

São João do Araguaia (PA): Camponeses, crianças e grávida são torturados por pistoleiros

Cerca de dez famílias de trabalhadores rurais foram torturadas por pistoleiros encapuzados e fortemente armados em São João do Araguaia, sudeste do Pará, informou a Comissão Pastoral da Terra (CPT) nesta segunda-feira (7).

De acordo com a instituição, as vítimas estavam acampadas às margens do rio Araguaia e entre elas estavam onze crianças, entre 3 meses e 10 anos, e uma mulher grávida. O caso foi registrado na Polícia Civil e apresentado à promotoria agrária de Marabá. As investigações são presididas pela equipe de policiais civis da Delegacia de Conflitos Agrários (DECA).

De acordo com a Polícia Civil, o grupo de acampados era formado por cerca de 20 pessoas que tiveram de sair de um acampamento que estava instalado dentro da fazenda Esperantina, já que a propriedade foi reintegrada por determinação da Justiça. Após serem despejados do local, eles se instalaram às margens do rio Araguaia na zona rural. (G1/TO).