INFORMAÇÕES

NOTÍCIAS DO SUL DO PARÁ, TOCANTINS, MATO GROSSO E MARANHÃO

sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

PA: Major Curió é alvo de novas denúncias por mortes e ocultação de cadáveres na repressão à Guerrilha do Araguaia

Mais três denúncias envolvendo assassinatos cometidos por militares na repressão à Guerrilha do Araguaia no Pará foram oferecidas à Justiça Federal pelo Ministério Público Federal (MPF).

O coronel da reserva Sebastião Curió Rodrigues de Moura, conhecido como major Curió, foi denunciado em todas as três ações. Ele já havia sido citado em outras denúncias.

A Guerrilha do Araguaia foi um movimento criado pelo Partido Comunista do Brasil durante a ditadura militar, entre fins da década de 60 e metade da década de 70. O combate entre guerrilheiros e militares ocorreu no sudeste e sul do Pará, na divisa dos estados de Goiás (hoje Tocantins), Pará e Maranhão, deixando mortos 67 opositores à ditadura. Até então, 58 corpos ainda continuam desaparecidos. (G1/PA).